top of page

Nota da Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia do Estado de SP sobre Redação do ENEM 2023

Desafios para Enfrentar a Invisibilidade do Trabalho de Cuidado das Mulheres no Brasil





A Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia do Estado de São Paulo (SBGG-SP) reconhece e apoia a escolha do tema da redação do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) de 2023, que trouxe luz sobre os desafios para enfrentar a invisibilidade do trabalho de cuidado das mulheres no Brasil.


Nós da SBGG-SP ressaltamos a importância dessas milhares de mulheres que se empenham no cuidado de pessoas idosas.


O envelhecimento da população brasileira já é uma realidade e traz consigo impactos profundos na demanda por cuidados. Nesse contexto, as mulheres desempenham um papel crucial, muitas vezes invisível, na prestação de cuidados a familiares com idade avançada. Esse trabalho de cuidado, frequentemente não remunerado e não reconhecido, exige um esforço físico e emocional significativo, afetando a vida das cuidadoras em diversos aspectos, incluindo carreiras profissionais, saúde e bem-estar.


A SBGG-SP enfatiza a necessidade de que a redação do ENEM 2023 estimule uma reflexão profunda sobre as dificuldades enfrentadas pelas mulheres que cuidam de pessoas idosas, abordando questões como a sobrecarga de trabalho, a falta de apoio institucional, social, as desigualdades de gênero e os aspectos das interseccionalidades, como raça, cor, etnia e condição econômica - que associados ao machismo, comprometem ainda mais a qualidade de vida das mulheres, ainda mais na velhice.


Além disso, é essencial discutir políticas públicas que promovam a valorização e o reconhecimento do trabalho de cuidador, bem como a garantia de condições dignas para os idosos.


Ao abordar este tema na redação, os estudantes têm a oportunidade de sensibilizar a sociedade para a importância do reconhecimento e do apoio ao trabalho de cuidado, destacando a necessidade de equilibrar as responsabilidades entre os gêneros e de promover a igualdade de oportunidades. Também é fundamental debater soluções para mitigar a sobrecarga das mulheres que desempenham o papel de cuidadoras de idosos.


A SBGG-SP parabeniza o ENEM por abordar essa temática e espera que a redação deste ano contribua para a conscientização e o debate público sobre a invisibilidade do trabalho de cuidado das mulheres no contexto do envelhecimento da população brasileira.


Com os melhores cumprimentos,


Dr. Paulo de Oliveira Duarte

Presidente da SBGG-SP


Dra. Juliana Venites

Presidente do Departamento de Gerontologia – SBGG-SP

13 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page